Por Ludmylla 16 de janeiro de 2018

Amsterdã no inverno – e o diário dos meus dias por lá

Imagino que Amsterdã seja daquelas cidades que se transformam a cada estação do ano. A época mais famosa para visitar a cidade é na primavera, quando as flores e plantações de tulipas tomam conta da cidade. Eu conheci a Amsterdã do inverno, gelada e absolutamente encantadora.

 

museumplein-amsterdam

 

Vivi lá um dos dias mais alegres da minha vida. Marido e eu bem desajeitados na pista de patinação no gelo que toma conta do Museumplein – praça onde ficam os principais museus da cidade e a famosa placa IAmsterdam. Foi delicioso, divertido, nossa primeira vez patinando no gelo.

A cidade é tão linda em um dia de sol quanto em um dia nublado ou chuvoso (mais comum na cidade). Cada um tem seu charme e cada dia por lá foi especial.

 

amsterda-viagem-dicas

 

Passamos 4 noites em Amsterdam, chegamos em uma segunda-feira no meio da tarde, de trem, vindo de Berlim. Como era nosso destino final de uma viagem de muitas paradas, eu preferi ficar um pouco no hotel organizando minhas coisas (os próximos looks do dia, rs) e dando uma geral na mala. Saímos umas 18:30 do hotel para dar uma volta e jantar.

 

amsterdam-dicas

 

Alexandre descobriu pelo Tripadvisor um restaurante delicioso, o Pesca, e começamos nossos dias em AMS da melhor forma. Depois do jantar, passamos na Winkel 43, lugar super famoso pela torta de maçã – que estava realmente di-vi-na. Mas todas as dicas de restaurantes eu vou dar no próximo post, que será um mini guia de alimentação na cidade.

No segundo dia, fomos caminhando do nosso hotel até o Museumplein, caminhadinha de um pouco mais de 1km, mas quem reclama com aquele tanto de canal maravilhoso para ser admirado? Mil pausas para fotos pelo caminho e nossa primeira parada foi o Rijksmuseum – o principal museu da Holanda e o nosso preferido. Tomamos café no restaurante do museu (gostoso e com preço justo) e depois entramos para visitá-lo (a entrada custa 17,50 euros). Ficamos por lá cerca de duas horas e na saída comemos de novo no mesmo café, rs. Dessa vez uma torta de maçã pra mim e um brownie para Alexandre.

 

roteiro-viagem-amsterda

 

Depois desse museu, íamos direto para o Museu Van Gogh, mas no meio do caminho tinha a pista de patinação e por ali ficamos por mais umas duas horinhas, foi MUITO divertido, um dos meus momentos preferidos de toda a viagem. Já falei em vários posts de viagem que odeio obrigações de férias. Deu vontade de acordar tarde? Acorda tarde! Deu vontade de passar horas na pista de patinação? Fica, poxa!

 

amsterda-no-invernopista-de-patinacao-em-amsterda

 

De lá, enfim fomos ao Museu Van Gogh, onde o valor da entrada é 18 euros. Também adorei, é um museu maravilhoso que vale a visita!

Esse dia incrível foi encerrado da melhor forma possível. No Foodhallen, uma espécie de pavilhão gastronômico com inúmeras opções de bons drinks e comidas, tanto típicas quanto de cozinha internacional. Gim tônica, comidas deliciosas e a companhia de uma amiga que está morando na cidade, que noite!

 

museu-van-gogh-amsterda

 

Dia seguinte, tínhamos horário para a Casa de Anne Frank às 12:30 (comprei o ingresso on-line, aqui). Como nosso hotel fica a 5 minutos do local, resolvemos tomar um café da manhã mais longo por ali e depois fomos em algumas lojinhas que também ficavam ali pelas redondezas.

 

arquitetura-de-amsterda

 

Não é possível fotografar dentro da Casa de Anne Frank, e mesmo que fosse, a sensação lá dentro é única. É um lugar muito simbólico e importante. Não deixe de ir quando estiver por lá!

Depois disso, demos uma pequena passadinha no hotel e fomos em direção ao próximo programa que eu queria fazer na viagem – a Heineken Experience. O valor é 18 euros e o tour é pela história da cervejaria, eles mostram a receita da cerveja e no final tem degustação – cada um tem direito a dois chopps, além do menorzinho que a gente toma durante o tour. Para quem não curte cerveja, é um programa dispensável. Mas se você curte pelo menos um pouquinho, eu acho que vale. Achei bem legal.

 

heineken-experience-amsterda

 

Para encerrar o dia, fomos ao famoso Red Light District, lugar que eu achei bem impactante e problemático, mas não quero entrar nessas questões aqui. O melhor de ter ido até lá foi acabar encontrando uma pizza bem gostosa no Da Portare Via. No trajeto a pé de volta para o hotel ainda comemos batata frita de rua, bem famosas em AMS.

No dia seguinte, nosso último dia inteiro na cidade, começamos passeando pelo Vondelpark e tomamos café por lá também. AMEI o parque, é lindo, gostoso, tranquilo, ótimo para relaxar e apenas caminhar sem rumo. Para quem dispensa atividades físicas durante as viagens, lá é o lugar perfeito para uma corridinha.

 

vondelpark-amsterdamvondelpark-dicas-amsterda

 

De lá fomos para a PC Hooftstraat, rua de comércio de luxo que fica ali pertinho do Vondelpark. Depois seguimos para a Kalverstraat, outra rua de comércio, só que mais versátil e acessível. Esse foi o momento oficial das comprinhas em Amsterdã. Ali por perto da Kalverstraat encontramos um Seafood Bar, restaurante de frutos do mar bem famosinho na cidade. Alexandre quis almoçar por lá e adoramos!

 

compras-em-amsterda

Dica para as compras: não tem Sephora em Amsterdã, mas essa loja é bem similar, lá você encontra as principais marcas de make.

 

Próxima parada do dia foi a Brouwerij ‘t iJ, cervejaria bem tradicional da cidade, com boas cervejas e petiscos holandeses. E o mais legal: lá tem um moinho! Então é um programa bem gostoso para um fim de tarde, um dos que mais gostei em Amsterdã.

 

cervejaria-dicas-amsterda

 

O dia ainda rendeu mais uma volta pela cidade e jantar no Fou Fow Ramen, delicioso e estava lotado! No dia seguinte apenas tomamos café da manhã e fomos para o aeroporto, era hora de voltar para casa.

Nosso hotel em AMS:

Pulitzer Amsterdam, Prinsengracht 323, 1016 GZ Amsterdam, Países Baixos.

Um hotel 5 estrelas muito bem localizado, gostoso e com bom atendimento. Esse foi o hotel com preço mais salgadinho da viagem, mas se couber no orçamento da sua viagem, super recomendo!

A viagem foi longa, passamos por vários destinos incríveis (AMS foi o último deles) e ainda vem muito post por aí. Vale dar uma olhadinha no meu Instagram também, lá já tem várias dicas legais! ;)

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado.